Logon
English Español Português
Área Restrita
Login

Senha
Entrar
Esqueci a senha

​​​​​​​​​​​A CIP está alinhada às melhores práticas do mercado, baseadas em isonomia e neutralidade. Sempre pautados por este objetivo, trabalhamos no aperfeiçoamento diário do nosso sistema de gestão e práticas de governança corporativa.

Somos regidos:

  • Pelo Estatuto Social;
  • Pelas disposições legais aplicáveis às câmaras e aos prestadores de serviço de compensação e de liquidação, no âmbito do Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB);
  • Pelas normas complementares ou regulamentares editadas pelos órgãos públicos competentes.

Nossa governança é composta:

  • Pelo Conselho de Administração;
  • Pelo Diretor de Relacionamento Institucional;
  • Pelos Comitês de Assessoramento ao Conselho; 
  • Pelo Colegiado.

Todos os papéis e responsabilidades estão definidos no Estatuto Social, aprovado em Assembleia Geral Extraordinária, no Regimento Corporativo e nos Regimentos dos Comitês de Assessoramento, aprovados pelo Conselho de Administração


 


 
CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

 

Constituído por representantes dos 39 bancos associados à CIP, sendo sete titulares, e igual número de suplentes, eleitos ou reeleitos a cada dois anos, em Assembleia Geral. Os conselheiros não recebem remuneração de qualquer espécie.

Atuação

  • Aprovar a composição dos Comitês de Assessoramento;
  • Estabelecer as diretrizes gerais das operações da CIP;
  • Estabelecer a estrutura organizacional;
  • Estabelecer os recursos necessários ao desenvolvimento das atividades.

Todas as deliberações são registradas em atas, que ficam arquivadas na sede da CIP. O extrato das atas é registrado no Cartório do Registro Civil das Pessoas Jurídicas. 


 



 
​​​DIRETOR DE RELACIONAMENTO INSTITUCIONAL

 
Nomeado pelo Conselho de Administração para um mandato de dois anos, com permissão de recondução ao cargo. É vedada qualquer remuneração pelo desempenho de suas funções estatutárias.

 
Atuação
  • Coordenar o relacionamento e representar a CIP junto ao Banco Central do Brasil; 
  • Zelar pelo cumprimento de normas, matérias regulatórias, disciplinares, procedimentos contábeis definidos pela legislação em vigor;
  • Representar a CIP perante a Receita Federal.
​​​
COMITÊS DE ASSESSORAMENTO

 

Nosso Conselho de Administração é assessorado por sete comitês, nas suas respectivas áreas de atuação. Todos têm papéis e responsabilidades definidos em Regimentos.  

Regimento do Comitê de Auditoria
Regimento do Comitê de Finanças e Controladoria
Regimento do Comitê de Negócios
Regimento do Comitê de Remuneração
Regimento do Comitê de Riscos, Controles Internos e Compliance
Regimento do Comitê de Segurança da Informação e Cibernética
Regimento do Comitê de Tecnologia da Informação


Os integrantes dos Comitês não recebem remuneração, exceto o Coordenador independente do Comitê de Auditoria e os integrantes independentes do Comitê de Remuneração, contratados exclusivamente para essa função. 

 ​​


​​​​​​​​​​​A CIP está alinhada às melhores práticas do mercado, baseadas em isonomia e neutralidade. Sempre pautados por este objetivo, trabalhamos no aperfeiçoamento diário do nosso sistema de gestão e práticas de governança corporativa.

Somos regidos:

  • Pelo Estatuto Social;
  • Pelas disposições legais aplicáveis às câmaras e aos prestadores de serviço de compensação e de liquidação, no âmbito do Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB);
  • Pelas normas complementares ou regulamentares editadas pelos órgãos públicos competentes.

Nossa governança é composta:

  • Pelo Conselho de Administração;
  • Pelo Diretor de Relacionamento Institucional;
  • Pelos Comitês de Assessoramento ao Conselho; 
  • Pelo Colegiado.

Todos os papéis e responsabilidades estão definidos no Estatuto Social, aprovado em Assembleia Geral Extraordinária, no Regimento Corporativo e nos Regimentos dos Comitês de Assessoramento, aprovados pelo Conselho de Administração. 


 


 
CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

 

Constituído por representantes dos 39 bancos associados à CIP, sendo sete titulares, e igual número de suplentes, eleitos ou reeleitos a cada dois anos, em Assembleia Geral. Os conselheiros não recebem remuneração de qualquer espécie.

Atuação

  • Aprovar a composição dos Comitês de Assessoramento;
  • Estabelecer as diretrizes gerais das operações da CIP;
  • Estabelecer a estrutura organizacional;
  • Estabelecer os recursos necessários ao desenvolvimento das atividades.

Todas as deliberações são registradas em atas, que ficam arquivadas na sede da CIP. O extrato das atas é registrado no Cartório do Registro Civil das Pessoas Jurídicas. 


 



 
​​​DIRETOR DE RELACIONAMENTO INSTITUCIONAL

 
Nomeado pelo Conselho de Administração para um mandato de dois anos, com permissão de recondução ao cargo. É vedada qualquer remuneração pelo desempenho de suas funções estatutárias.

 
Atuação
  • Coordenar o relacionamento e representar a CIP junto ao Banco Central do Brasil; 
  • Zelar pelo cumprimento de normas, matérias regulatórias, disciplinares, procedimentos contábeis definidos pela legislação em vigor;
  • Representar a CIP perante a Receita Federal.
​​​
COMITÊS DE ASSESSORAMENTO

 

Nosso Conselho de Administração é assessorado por sete comitês, nas suas respectivas áreas de atuação. Todos têm papéis e responsabilidades definidos em Regimentos.  


 

Regimento do Comitê de Auditoria
Regimento do Comitê de Finanças e Controladoria
Regimento do Comitê de Negócios
Regimento do Comitê de Remuneração
Regimento do Comitê de Riscos, Controles Internos e Compliance
Regimento do Comitê de Segurança da Informação e Cibernética
Regimento do Comitê de Tecnologia da Informação


Os integrantes dos Comitês não recebem remuneração, exceto o Coordenador independente do Comitê de Auditoria e os integrantes independentes do Comitê de Remuneração, contratados exclusivamente para essa função. 


 ​​


​​​​​​​​​​​A CIP está alinhada às melhores práticas do mercado, baseadas em isonomia e neutralidade. Sempre pautados por este objetivo, trabalhamos no aperfeiçoamento diário do nosso sistema de gestão e práticas de governança corporativa.

Somos regidos:

  • Pelo Estatuto Social;
  • Pelas disposições legais aplicáveis às câmaras e aos prestadores de serviço de compensação e de liquidação, no âmbito do Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB);
  • Pelas normas complementares ou regulamentares editadas pelos órgãos públicos competentes.

Nossa governança é composta:

  • Pelo Conselho de Administração;
  • Pelo Diretor de Relacionamento Institucional;
  • Pelos Comitês de Assessoramento ao Conselho; 
  • Pelo Colegiado.

Todos os papéis e responsabilidades estão definidos no Estatuto Social, aprovado em Assembleia Geral Extraordinária, no Regimento Corporativo e nos Regimentos dos Comitês de Assessoramento, aprovados pelo Conselho de Administração. 


 


 
CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

 

Constituído por representantes dos 39 bancos associados à CIP, sendo sete titulares, e igual número de suplentes, eleitos ou reeleitos a cada dois anos, em Assembleia Geral. Os conselheiros não recebem remuneração de qualquer espécie.

Atuação

  • Aprovar a composição dos Comitês de Assessoramento;
  • Estabelecer as diretrizes gerais das operações da CIP;
  • Estabelecer a estrutura organizacional;
  • Estabelecer os recursos necessários ao desenvolvimento das atividades.

Todas as deliberações são registradas em atas, que ficam arquivadas na sede da CIP. O extrato das atas é registrado no Cartório do Registro Civil das Pessoas Jurídicas. 


 



 
​​​DIRETOR DE RELACIONAMENTO INSTITUCIONAL

 
Nomeado pelo Conselho de Administração para um mandato de dois anos, com permissão de recondução ao cargo. É vedada qualquer remuneração pelo desempenho de suas funções estatutárias.

 
Atuação
  • Coordenar o relacionamento e representar a CIP junto ao Banco Central do Brasil; 
  • Zelar pelo cumprimento de normas, matérias regulatórias, disciplinares, procedimentos contábeis definidos pela legislação em vigor;
  • Representar a CIP perante a Receita Federal.
​​​
COMITÊS DE ASSESSORAMENTO

 
Nosso Conselho de Administração é assessorado por sete comitês, nas suas respectivas áreas de atuação. Todos têm papéis e responsabilidades definidos em Regimentos.  

 

Regimento do Comitê de Auditoria
Regimento do Comitê de Finanças e Controladoria
Regimento do Comitê de Negócios
Regimento do Comitê de Remuneração
Regimento do Comitê de Riscos, Controles Internos e Compliance
Regimento do Comitê de Segurança da Informação e Cibernética
Regimento do Comitê de Tecnologia da Informação


Os integrantes dos Comitês não recebem remuneração, exceto o Coordenador independente do Comitê de Auditoria e os integrantes independentes do Comitê de Remuneração, contratados exclusivamente para essa função. 


 ​​


 
Nome
Ascendente